sábado, 3 de abril de 2010

Como é triste


Como é triste ver-te sofrer
E não pôde sentir
Como é triste ver-te chorar
E não pôde amparar
É triste ver-te amar
E não ser amada,
Mas um dia olharei para teu rosto
E comtemplarei um sorriso de alegria
E sorrirei contigo
Dividiremos nossas experiências
E comparilharemos um pedaçinho
Do amor que ainda restou em nós
E que acredito está vivo
Só a espera de uma resposta tua..

(Ataniel dos Santos)
Ataniel Pegadas – 2010
© Todos os direitos reservado

Nenhum comentário:

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...